Posts Em Destaque

Moscou: a interferência externa nos assuntos internos de Cuba é inaceitável

De acordo com um comentário da porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova. Zakharova está confiante de que as autoridades do governo de Cuba estão tomando todas as medidas necessárias para estabilizar a situação.


“Estamos convencidos de que as autoridades cubanas estão tomando todas as medidas necessárias para restaurar a ordem pública no interesse dos cidadãos do país, no marco da Constituição nacional e da legislação interna vigente. Acreditamos que a interferência externa nos assuntos internos de um Estado soberano e quaisquer outras ações destrutivas que incentivem a desestabilização da situação na ilha são inaceitáveis ​​”, disse ela no site do ministério.


Os protestos em Cuba começaram em meio cortes de energia e problemas de abastecimento provocados pela crise causada pela pandemia, especialmente no setor de turismo.


O presidente cubano, Miguel Diaz-Canel, em seu discurso exortou “todos os defensores da Revolução e todos os comunistas” a tomarem as ruas e responder às provocações. Mais cedo, o conselheiro de Segurança Nacional do regime estadunidense, Jake Sullivan, já havia aproveitado a oportunidade para fazer declarações de clara ingerência nos assuntos interno de Cuba.





Posts Recentes